domingo, 20 de março de 2011

Saint Patrick's Festival

17 de março é dia de São Patrick, o padroeiro da Irlanda. Dizem que ele expulsou o mal, que era representado pelas serpentes, do país. De fato, na Irlanda não existem cobras. Os humoristas dizem que Saint Patrick fez seu trabalho tão bem feito que nem fósseis de cobras se encontram na ilha.
Ele teria nascido em Wales, País de Gales, e teria sido sequestrado por piratas Vikings ainda criança. Foi trazido para a Irlanda e trabalhou como escravo até a adolescência, quando fugiu dos piratas e se refugiou em um mosteiro. Lá foi ordenado sacerdote e passou a viajar pela ilha disseminando o Cristianismo. É associado ao trevo de três folhas (shamrock) porque utilizava a planta, comum na Irlanda, para explicar ao povo a Trindade Cristã (o Pai, o Filho e o Espírito Santo) que, assim como o trevo, são 3 e são ao mesmo tempo um só.
A semana em que cai o Saint Patrick Day é toda de celebrações, apesar de o feriado ser apenas dia 17, quando acontece a Parada, que passa pelas ruas O'Connel e Dame St e termina em frente à Catedral que leva o nome do Santo. Como eu moro super perto, cheguei cedo e assisti ao desfile em frente à Catedral, no melhor lugar! Foi uma semana super folgada, já que não tive aula.
A festa começou na quarta, dia 16, no parque Stephens Green, com apresentação de bailarinos ensinando as danças irlandesas e pessoas de pernas de pau e vestidos de faunos e outras criaturas mitológicas. Domingo a celebração encerrou com uma maratona de 5 Km (que eu tava pronta pra correr, mas tinha inscrição de € 15, daí não rolou) e atrações no parque Merrion Square durante toda a tarde. Ao longo da semana a cidade ficou lotada de turistas e foi comum ver pessoas usando chapéus verdes de Leprechaum, enfeitados de barba ruiva e trevos. A cidade ficou toda decorada com a bandeira do país e muitos trevos.
Teve gente que aproveitou a Parada para divulgar o seu filme...


video


Merrion Square domingo à tarde

Bandeiras dos desejos. Com etiquetas para as pessoas escreverem sonhos e pedidos a serem levados pelo vento. Apesar de católica, a Irlanda é cheia de crendices pagãs


6 comentários:

  1. Pelo que aprendi na escola São Patrício, de Itaqui (o padroeiro também é São Patrício), é que os símbolos eram o trevo (de três folhas), a cobra e o cajado (simbolicamente pra matar as cobras, mas provavelmente pra andar no terreno difícil)... essa questão do símbolo da cobra, também é interpretada com a eliminação do "paganismo" (só lembrar da cobra na história de Adão e Eva)...
    Mas voltando às fotos... muito legal.. queria ter visto os smurfs... hahahahaha...

    ResponderExcluir
  2. Bah, muito legal a tua contribuição, Roben. Muda a região, mas a história se repete... O Saint Patrick daqui também leva um cajado.

    ResponderExcluir
  3. Tu foi muito mais esperta que eu, e ficou em um lugar onde podia-se de fato VER o desfile >.< eu coloquei minha flatmate em cima dos meus ombros e mandei ela filmar, só assim pude "ver".

    Tenho muitas fotos do dia aqui! preciso me coçar pra postar! =*

    ResponderExcluir
  4. Sabrina... na verdade é o mesmo santo... só não me pergunta por que diabos é padroeiro de Itaqui........ hahahahhaha

    ResponderExcluir
  5. Greetings from USA! Your blog is really cool.
    Are you living in Switzerland?
    You are welcomed to visit me at:
    http://blog.sina.com.cn/usstamps
    Thanks!

    ResponderExcluir
  6. Sá!
    Eu tava lendo teu blog e pensei: essa guria pode escrever um livro sobre a Irlanda! Tu conta tudo tão explicadinho, tudo embasado...eu compraria teu livro!
    haha..
    Bju

    ResponderExcluir